Bem-vindo. Hoje é
1

Ética Profissional na Área de Computação

sábado, 9 de abril de 2011 · 1 comentários

Os códigos de ética das sociedades profissionais da área de computação geralmente contemplam alguns aspectos básicos e que não raro conflitam entre si. Nesses casos, a priorização normalmente é deixada para o bom senso de cada profissional. Porém, algumas considerações são oferecidas em numa hierarquia crescente de valores, que vai do interesse individual ao interesse geral da sociedade.


Umas das maiores dificuldades em criar um código de ética estável para os profissionais na área de computação, processamento de dados e afins é a alta dinamicidade da profissão. Novas tecnologias vão surgindo a cada dia e o que foi escrito como regra em pouco tempo corre o risco de se tornar desatualizado, em desuso.

Casos envolvendo aspectos éticos na área de computação estão aparecendo cada vez com mais frequência em nosso dia a dia, muitas vezes ganhando largo espaço nos jornais e na televisão. Exemplos comuns são os casos de acesso não autorizado a redes de computadores, vírus e pirataria de software. Não há dúvidas de que é necessário alertar e preparar os estudantes de graduação para que possam, no futuro, saber como se posicionar diante de situações éticas com as quais possam se deparar no exercício da profissão.

0

Vírus bloqueia PC dizendo que usuário cometeu crime na internet

· 0 comentários

Uma praga russa que sequestra o PC e tenta convencer o usuário a discar um número premium (0900, no qual parte da tarifa é embolsada pelo dono da linha receptora da chamada) está infectando PCs no Brasil. Para atrair a atenção do usuário, a praga bloqueia o computador completamente e exibe uma mensagem dizendo que um crime foi cometido. Para se livrar da investigação policial, é preciso discar para o número informado e digitar o código fornecido pela chamada.


Tudo é falso – o que não quer dizer que a mensagem não assuste. O estudante Bráulio Misael Gomes, de 22 anos, foi infectado pelo vírus depois de desativar o antivírus devido a problemas com lentidão no PC. “Quando li as primeiras linhas fiquei surpreso mesmo. Pensei que tinha feito algo realmente fora da lei, afinal, a cada hora inventam uma lei nova e derrubam, então nunca se sabe”, conta o estudante.

No entanto, os erros de português e outros detalhes da mensagem deixaram claro que se tratava de um golpe. O sistema estava impossível de usar – nem a área de trabalho, nem o gerenciador de tarefas estavam acessíveis. Mas o computador iniciou normalmente no Modo Seguro do Windows, o que permitiu a restauração do sistema e o uso do antivírus. “Aí, tudo se resolveu”, relata Gomes.


O diferencial da nova praga está na sua capacidade de usar uma grande quantidade de idiomas, inclusive o Português Brasileiro. Vírus desse tipo são conhecidos pela categoria de “ransomware” ou “software sequestrador”. Os mais agressivos criptografam os arquivos da vítima e exigem o pagamento do “resgate” para ter a chave que pode abri-los novamente.

Total de visualizações de página

Mais Buscadas

Siga-me

Meus Leitores

Postagens populares